term paper writing services 10 term paper on ""best buy"" phd thesis biofilm write an assignment for me rpi masters thesis
Publicado em 10 Outubro 2018

A tarde de hoje, 10, foi regida por músicas no Hospital Materno Infantil de Gurupi. A orquestra Jovem de Cordas, do Projeto Ciranda das Artes, da Casa de Cultura da UnirG – Universidade de Gurupi, realizou diversas apresentações na recepção e corredores da maternidade. O evento faz parte das comemorações ao Dia das Crianças, 12 de outubro.

 

cc01Os alunos percorreram o hospital e mostraram seus talentos. No repertório, muita música clássica e popular. Os leitos infantis também foram agraciados com músicas de ninar, pelo professor regente, Jhonata Araújo.ccc4

 

“É muito gratificante estar aqui, pois é um momento em podemos proporcionar um pouco de alívio na dor de quem está debilitado. Meus alunos fazem questão de vir e é um momento de grande aprendizado para eles”, afirmou o professor.

 

A ação é uma parceria com o Setor de Humanização do Hospital e ocorre pelo quarto ano consecutivo.

 

Conforme a diretora geral do hospital, Cristiane Uchoa, atividades como essa melhora a qualidade de vida do paciente. “É muito interessante trabalhar a questão da humanização com alguns projetos. Notamos que antes dessas ações, tínhamos uma evasão muito grande em datas como o Dia da Criança e no Natal. Quando conseguimos trazer esses momentos para dentro do hospital, automaticamente, garantimos a permanência dos pacientes”, destacou Uchoa.

 

ccc6A terapeuta ocupacional do Setor de Humanização do hospital, Janilva Maria da Silva, relatou que durante esta semana, são proporcionadas ações como: cinema no leito, palhaçoterapia, contadora de estória, enfermeira da alegria, entre outras.

 

A dona de casa, Nelzi Lopes, estava acompanhando a neta e ficou emocionada. “Esta foi a primeira fez que vi a apresentação de uma orquestra e achei tudo muito lindo e encantador”, disse.

 

Para a gestora da Casa de Cultura, Sheyla Carvalho, a apresentação na maternidade é sempre especial. “A criança hospitalizada está fora do seu ambiente natural e esse momento de música pode trazer conforto para ela e para sua família. Isso, sem esquecer a influência que a música também podeccooo1 ter nos profissionais que trabalham nos hospitais. Saímos de lá com a alma leve por podermos contribuir positivamente para um momento diferente para eles”, apontou.

 

A orquestra 

 

ccc3A Orquestra Jovem de Cordas é formada por estudantes da rede pública municipal e estadual de ensino e faz parte do projeto Ciranda das Artes da Casa de Cultura da UnirG. O projeto é mantido pelas empresas Construtora Asas, Madesil Casa e Construção, Madeireira São Judas Tadeu e Terra Forte Atacadista.