Publicado em 16 Março 2017

A manhã de hoje, 16, foi movimentada no Núcleo de Hemoterapia de Gurupi, com a presença dos participantes do Projeto Cidadão Universitário do Centro Universitário UnirG. Estudantes de diferentes cursos estiveram no local para doar sangue e ajudar a salvar vidas.

 

20170316 094756De acordo com Renata Souza, enfermeira do Hemonúcleo, as campanhas como o Cidadão Universitário são muito importantes para a melhoria dos estoques na unidade. “De dezembro a fevereiro as doações diminuem consideravelmente, enquanto muitas pessoas continuam precisando de sangue pois aumenta o número de acidentes de trânsito e de ferimentos por arma de fogo. Essas campanhas são um reforço para estimular as pessoas a fazerem esse ato que ajuda quem está precisando”, disse Souza.

 

A estudante de Medicina, Luhen Macedo, de apenas 16 anos, compareceu ao Hemonúcleo para doar sangue acompanhada de sua mãe, Olinda Freitas. Elas são de Balsas (MA) e aprovaram o trote solidário promovido pela UnirG.

 

“Eu já tinha o desejo de fazer a doação, e agora veio uma boa oportunidade para isso. O projeto é muito interessante porque promove uma competitividade entre os cursos, ao mesmo tempo em que ajuda as pessoas”, disse Luhen.

20170316 103542 

“Essa é uma campanha que tem muito a contribuir com a sociedade e um estímulo para que cada aluno possa refletir de que maneira pode ajudar as pessoas que necessitam, seja doando alimentos ou o sangue. É uma experiência rica e que pode fazer muita diferença na vida de cada um deles”, disse a mãe, Olinda Freitas.

  

O acadêmico Gustavo Henrique veio de Barra do Garça (MT) para estudar na UnirG. Segundo ele, o trote solidário é um estímulo para que cada um seja um doador permanente. “É triste saber que muitas pessoas doam sangue apenas durante as campanhas, mas seria muito melhor se cada um permanecesse fazendo esse ato. Sempre há pessoas precisando de ajuda, e nosso papel é ajudar”.  

 

O prazo para doação de sangue segue até amanhã, 17, no Núcleo de Hemoterapia de Gurupi, localizado na rua 01 entre as avenidas Ceará e Pernambuco, das 08 às 11h.

 

Requisitos básicos para a doação de sangue

 

Doar sangue-Apresentar documento oficial com foto

-Ter entre 16 (*) e 69 anos de idade - (*) jovens entre 16 e 17 anos podem ser aceitos como candidatos a doação de sangue, com o consentimento formal assinado pelo responsável legal e apresentação de um documento oficial com foto, para cada doação. Para a primeira doação o responsável legal deverá estar presente. Nas subsequentes o menor poderá doar apresentando o termo de autorização com a assinatura do responsável legal registrada em cartório.

-O limite para a primeira doação é de 60 anos de idade

-Pesar no mínimo 50 Kg

-Estar em boas condições de saúde e higiene no momento da doação

-Não ter ingerido alimentos gordurosos nas últimas 3 horas que antecedem a doação*

 

*Com informações do site:  http://saude.to.gov.br